Apple compra o app reconhecedor de músicas Shazam

A Apple anunciou que adquiriu o Shazam, conhecido aplicativo que permite aos usuários identificar músicas, comerciais e outros a partir de pedaços de áudio.

Apesar do valor da empresa ter sido avaliado em torno de 1 bilhão de dólares, fala-se que a transação foi em torno de 400 milhões de dólares. O faturamento de apenas US$ 54 milhões em 2016 foi considerado baixo e isso pode ter influenciado a decisão de compra.

Apesar das baixas receitas, acredita-se que o Shazam pode ajudar a Apple de várias maneiras. A primeira delas seria no Apple Music, onde a equipe da Shazam poderia ajudar a melhorar a experiência do serviço. Se a empresa da maçã decidir descontinuar o aplicativo, também removeria as referências para o Spotify, que concorre com o Apple Music pelos 1 milhão de cliques por dia do Shazam. Além disso, o reconhecimento de som do Shazam, que já estão integrados à Siri, podem caminhar para uma absorção no iOS, assim como a Google fez com o recurso de reconhecimento do Pixel.

É provável que a Apple também esteja interessada na tecnologia de realidade aumentada do Shazam, o que poderia ajudar a melhorar suas próprias ofertas. A Shazam possui tecnologia de reconhecimento visual e uma plataforma AR para marcas que podem ajudar no desenvolvimento de um recurso de tipo Google Lens.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *